17.4.16

FORA CUNHA, NÃO AO GOLPE

Por Bráulio Wanderley 

Em respeito à democracia brasileira me posicono contrário ao impedimento de Dilma Rousseff. Como militante Comunista seguirei sendo opositor ao neoliberalismo petista. Quem quiser assumir a presidência da República que vença a eleição. 

É vergonhoso assistir um cafajeste e ladrão como juiz de ética e do combate à corrupção. Cunha, réu em 22 processos no STF e na Suíça.

Lamentável ver a conspiração golpista do bandido do porto de Santos-SP e atual vice presidente Temer e nada tão ruim que não possa ficar pior, Renan Calheiros no banco de reservas.

Tão contraditório quanto ir à passeata contra a corrupção vestindo a camisa da CBF é por esses três maloqueiros na presidência do Brasil.52 milhões de razões (em dólares), 22 processos nas costas e réu em dois países.

#foracunha

Nenhum comentário: