25.5.15

EDUARDO CUNHA PRETENDE CONSTRUIR SHOPPING DE R$ 1 BILHÃO NA CÂMARA

Por meio de manobra, Eduardo Cunha aprova projeto para construir ‘shopping’ na Câmara no valor de R$ 1 bilhão. PT, PSDB, PCdoB e PSOL votaram contra. “Uma megalomania típica de quem se acha dono do Parlamento brasileiro, e que legisla de mãos dadas com os financiadores privados de campanha. É o fim da picada! O povo deve repudiar este abuso”, protestou o deputado Ivan Valente

eduardo cunha shopping
Eduardo Cunha (PMDB-RJ) aprova projeto para construir shopping no Congresso (Imagem: Agência Estado/André Dusesk)
Depois de um debate acirrado, o presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) conseguiu na noite desta quarta (20) aprovar a autorização para que a Câmara realize a chamada “PPP do Shopping”.
A proposta foi aprovada por meio de uma emenda à MP 668, do ajuste fiscal, que eleva alíquotas da PIS/Cofins em operações de importação e exportação, o que causou indignação entre deputados. Ao todo, 273 parlamentares votaram a favor da proposta, e 183 foram contrários. Sete se abstiveram.
PT, PSDB, PCdoB e PSOL votaram contra. “Uma megalomania típica de quem se acha dono do Parlamento brasileiro, e que legisla de costas para o povo e de mãos dadas com os financiadores privados de campanha, que agora serão sócios na construção do Shopping Center em plena Câmara dos Deputados. É o fim da picada! O povo deve repudiar este abuso”, afirmou o deputado federal Ivan Valente (PSOL).

R$ 1 Bilhão

Avaliado em R$ 1 bilhão, o novo complexo, que abrigará o shopping, inclui uma reforma no anexo IV e a construção de outros três prédios. Em vez de 432 gabinetes, o atual anexo IV passará a abrigar 264.
As salas serão mais confortáveis, o tamanho passará da média de 40 m² para 60 m². Além dos gabinetes, serão construídos auditórios, um deles com capacidade para 700 pessoas, e uma área comercial. A intenção é dar mais conforto a parlamentares e servidores.

Patrimônio da Humanidade de Brasília ameaçado

A construção do shopping proposto por Eduardo Cunha ameaça tirar Brasília da lista das cidades que são consideradas Patrimônio Cultural da Humanidade.
O título obtido por Brasília junto à Unesco, entidade da ONU responsável pela honraria, foi dado há 27 anos e é considerado o mais importante da capital projetada por Lúcio Costa e sua equipe de arquitetos a partir de 1957.
FONTE: Pragmatismo Político, com agências

Nenhum comentário: